nov 05

Ruído pode gerar perda de audição, zumbido, ansiedade, insônia e até depressão!

Assunto Audição 1637 tags: ,

Pesquisas mostram que o ruído fora de controle é um dos agentes mais nocivos à saúde humana, causando perda da audição, zumbidos, ansiedade, nervosismo e até mesmo impotência sexual. 

O ruído ou barulho é todo som audível que se torna desarmônico à audição, tornando-se, dessa forma, pessoal e subjetivo. O ruído intenso, que pode causar alguma perda de audição, está acima de 85 decibéis (dB ) por um período de oito horas. Para cada 5dB aumentado, a exposição ao ruído deve diminuir pela metade, ou seja, 90dB por apenas quatro horas de exposição. E 95dB por apenas duas horas e, aos 110dB, a exposição deve ser de apenas 15 minutos. 

Excessos de ruído podem gerar a perda de audição chamada de perda auditiva induzida por ruído (PAIR), que, por sua vez, pode gerar zumbido (ou tinnitus ), transtornos de atenção, ansiedade, insônia e até depressão. A perda auditiva pode ser gerada por duas formas de ruído intenso, sendo a primeira pela exposição prolongada (geralmente ocupacional); a segunda é chamada de trauma acústico (TA) por uma exposição súbita e intensa, como nas explosões acidentais, casos de fogos de artifício e tiros, entre outros. Essas perdas são por lesão de células não renováveis pelo organismo humano e, dessa forma, tornam-se irreversíveis, havendo necessidade de uso aparelho auditivo.

Barulho fora de controle é um dos agentes mais nocivos à saúde humana

Barulho fora de controle é um dos agentes mais nocivos à saúde humana

Comments

comments

Sorry, the comment form is closed at this time.